Luiza Almeida detona arbitragem após 5º lugar do Brasil 

Após a prova do adestramento por equipes, disputada no Guadalajara Country Club, a amazona Luiza Almeida criticou a arbitragem. Segundo ela os juízes da competição, foram políticos com as notas do México, que terminou no quarto lugar, na frente do Brasil.

"A gente deu o melhor, fez a média das seletivas. A Colômbia foi uma surpresa, compraram um cavalo de última hora, mas o México foi muita politicagem", disparou a atleta.

Os brasileiros alcançaram a média de 67.991 pontos, enquanto o país sede conseguiu 68.386 pontos. Os Estados Unidos ficaram com folga na primeira colocação. Canadá e Colômbia foram prata e bronze, respectivamente.