Bolsonaro abre concorrência para gastar R$ 450 milhões em propaganda

Agências interessadas precisam criar campanha que exalte 'esperança e otimismo dos brasileiros'

Reuters/Ueslei Marcelino
Credit...Reuters/Ueslei Marcelino

O governo de Jair Bolsonaro lançou uma concorrência para selecionar quatro agências de publicidade que vão divulgar as ações e políticas públicas do presidente da República e de sua administração. A verba prevista para a publicidade é de R$ 450 milhões.

Ela prevê ainda o planejamento e a execução de pesquisas “e de outros instrumentos de avaliação e de geração de conhecimento sobre o mercado, o público-alvo, os meios de divulgação nos quais serão difundidas as peças e ações publicitárias ou sobre os resultados das campanhas realizadas”.

As agências interessadas em participar da propaganda do governo precisam criar uma campanha hipotética para ser apresentada no processo de concorrência. O briefing orienta a criação de publicidade para o 7 de Setembro.

Em um dos pontos, ele alerta que a campanha do governo federal terá “o importante desafio de fazer frente a informações não correspondentes à realidade disseminadas por parte da mídia e em redes sociais”.

De acordo com o texto, as informações de “parte” da imprensa não correspondem “às várias entregas e políticas públicas positivas” do governo Bolsonaro.

As informações de “parte da mídia” que não vê as coisas positivas do governo, segundo o documento, “acabam gerando um sentimento de rejeição, que pode afetar diretamente a receptividade e a compreensão das mensagens a serem divulgadas”.

A campanha das agências deve também “exaltar” o “sentimento de confiança, esperança e otimismo dos brasileiros”. As propostas técnicas e de preço devem ser enviadas até 4 de novembro.(Monica Bergamo/Folhapress)



Agências interessadas precisam criar campanha que exalte 'esperança e otimismo dos brasileiros'
Bolsonaro


Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais