Curto-circuito causou incêndio que provocou desabamento de prédio em SP, conclui polícia

De acordo com a Polícia Civil, curto-circuito no 5º andar iniciou incêndio no edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paiçandu, em São Paulo. 

Walkiria Camargo do Nascimento morava no apartamento onde o fogo começou. Segundo a Polícia Civil, micro-ondas, geladeira e televisão conectados a uma única tomada foram o estopim. 

>> Tenente diz que 'é improvável achar sobreviventes'

>> Prédio vizinho ao que desabou pode estar condenado

Walkiria estava no imóvel com seu marido e os dois filhos. Todos dormiam e só notaram o incêndio quando o fogo já havia se alastrado. De acordo com depoimento, a moradora conseguiu resgatar a filha caçula. A outra jovem está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas em estado gravíssimo. Seu marido, Pedro Lucas de Sampaio Viana Ribeiro, 32, queimou dois terços do corpo e também está internado, na Santa Casa de São Paulo.