Doria processa município de São Paulo 

Prefeito contesta cobrança indevida de IPTU no valor de R$ 500 mil

O prefeito de São Paulo, João Doria, está processando o município por discordar da cobrança de mais de R$ 500 mil de IPTU de imóveis que estão em seu nome. De acordo com a coluna Expresso, da revista Época, os advogados de Doria já conseguiram provar que a cobrança é indevida.

A Justiça ordenou que a prefeitura suspenda a exigência do pagamento. A Secretaria de Finanças atendeu, mas ainda classifica Doria como “devedor” . 

A defesa do prefeito alega que o município descumpre ordem judicial e que a classificação pode prejudicar a imagem do tucano.

>> As palestras de Doria e as palestras de Lula

>> Vestido de gari, João Doria é comparado a Jânio Quadros e sua vassourinha