Perícia revela que vídeo de Bolsonaro contra Jean Wyllys é montagem

Perícia da Polícia Civil do Distrito Federal constatou que é falso o vídeo divulgado pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC/SP), filho de Jair Bolsonaro (PSC/RJ), sobre o cuspe de Jean Wyllys (Psol/RJ) em Jair no dia da abertura do processo de impeachment na Câmara. A análise foi feita a pedido do Conselho de Ética da Câmara.

No dia seguinte ao impeachment, Eduardo Bolsonaro publicou um vídeo com legendas de uma fala inaudível de Jean Wyllys para Chico Alencar, com o texto "Eu vou cuspir na cada do Bolsonaro, Chico", para defender que o ato teria sido premeditado e não uma reação a provocações homofóbicas. 

De acordo com a Polícia Civil, a fala de Wyllys foi realizada depois do episódio do cuspe, e Wyllys também falou outra coisa, "Eu cuspi na cara do Bolsonaro, Chico. Eu cuspi na cara do Bolsonaro. Eu cuspi!". As informações são da coluna de Lauro Jardim no O Globo

O vídeo falso foi apresentado como prova autêntica contra Wyllys no Conselho de Ética. 

Em publicação nas redes sociais, a página do deputado Jean Wyllys compartilhou a notícia com o comentário "A justiça tarda, mas sempre chega...".