Ato em defesa da reforma agrária bloqueia rodovia em SP por três horas

A circulação de veículos na Rodovia Raposo Tavares (SP-270) ficou bloqueada nos dois sentidos por cerca de três horas, na manhã desta quarta-feira (20), na altura do km 637.  O trecho fica no município de Caiuá, perto das cidades de Presidente Epitácio e Presidente Venceslau, na região de Presidente Prudente.

Segundo a concessionária Cart, que administra a rodovia, as pistas ficaram ocupadas até o final da manhã por integrantes da Frente Nacional de Luta Campo e cidade (FNL), que colocaram pneus e outros objetos nas vias e, depois, atearam fogo.

O ato em defesa da reforma agrária foi pacífico e não provocou grandes filas de veículos, de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual. O tráfego foi desviado para vias urbanas de Caiuá e Presidente Epitácio.

A manifestação terminou por volta das 10h50. No início da tarde, o fluxo de veículos estava normalizado.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais