Waldir Maranhão: bom senso vai prevalecer na eleição da Câmara

O presidente interino da Câmara dos Deputados, Waldir Maranhão (PP-MA), disse nesta terça-feira (12) acreditar que o bom senso vai prevalecer na eleição para a Presidência da Câmara, marcada para a quarta-feira (13), às 16 horas.

“O ideal nem sempre nós temos”, afirmou, ao ser questionado por repórteres se não seria ideal, para o governo do presidente interino da República, Michel Temer, que houvesse um número menor de postulantes ao comando da Câmara (até agora, 11 deputados registraram oficialmente as suas candidaturas). “O bom senso vai prevalecer. A Casa precisa se reencontrar e contribuir cada vez mais para o País. É um bom momento para avaliação, para compreender que o Brasil é maior do que a crise”, declarou.

Sobre o grande número de candidatos, Maranhão também comentou: “A democracia permite que todos se manifestem, que todos desejem [disputar o cargo]. Esta Casa é plural e tem o legítimo direito de se fazer presente na vida da sociedade.”

Balanço

Maranhão avaliou o período em que ocupou a Presidência da Câmara após o afastamento do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), há pouco mais de dois meses: “Tentei fazer o melhor. Compreendo a dinâmica do processo, respeito os adversários, acredito que a Casa vai reencontrar o seu rumo, a partir de um entendimento amplo. É preciso que todos nós tenhamos paciência e prudência para levantar a País. Chegou a hora de encontrar um novo rumo, dialogando, respeitando sempre o interesse da população brasileira”, concluiu.