MPF quer que José Agripino devolva R$ 1 milhão por renda acima de teto

O Ministério Público Federal no Rio Grande do Norte (MPF/RN) quer que o senador José Agripino Maia (DEM) devolva R$ 1.036.141,88 ao cores públicos. O valor se refere a ganhos do senador acima do teto constitucional nos últimos cinco anos.

Agripino recebe mensalmente R$ 30.471,11 por pensão especial de ex-governador, e ainda R$ R$ 33.763 de subsídio pelo cargo no Senado, somando R$ 64.234,11. Este valor é 90,2% acima do limite constitucional, que atualmente é de R$ 33.763. 

Em nota, o senador José Agripino disse que o teto constitucional de vencimentos para os agentes públicos não pode ser confundido com pagamentos ilícitos e inconstitucionais.