Ban Ki-moon pede 'calma e diálogo' ao Brasil

Secretário-geral da ONU disse acompanhar crise "com atenção"

O secretário-geral das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, afirmou por meio de um porta-voz que acompanha "com atenção" os acontecimentos da crise política no Brasil e convida toda a sociedade "à calma e ao diálogo".

    Além disso, o sul-coreano disse confiar que "as autoridades do país honrarão o processo democrático, seguindo o Estado de Direito e a Constituição". (ANSA)