Diretora de escola retira 70 alunos antes de o imóvel ser invadido pela lama

Os 70 estudantes que estavam em uma das escolas de Bento Rodrigues, distrito de Mariana, no momento do rompimento das duas barragens da mineradora Samarco, na quinta-feira (5/11) conseguiram deixar o local ilesos. Antes de a lama soterrar o imóvel, a diretora da instituição conseguiu retirar os alunos em 20 minutos. A notícia foi confirmada pela Rádio Itatiaia.

O acidente ocorreu por volta das 16h de quinta-feira (5/11). Uma pessoa morreu e 16 estão desaparecidas. O governo federal colocou o Exército Brasileiro à disposição do estado de Minas Gerais para ajudar no socorro às vítimas da inundação de lama, rejeitos sólidos e água usados no processo de mineração.