ES: consultório cuida da saúde de pessoas que vivem em situação de rua

Os trabalhos de abordagem a pessoas em situação de rua não param na capital do Espírito Santo. A Prefeitura de Vitória monitora praças, parques e ruas para identificar aquelas que utilizam espaços públicos como forma de moradia ou sobrevivência.

As ações integram o programa Onde Anda Você?, que contempla um amplo trabalho de reinserção social. No início de 2013, ele identificou 732 pessoas em situação de rua e, hoje, há cerca de 100. Um dos serviços oferecidos é o Consultório na Rua, que realiza um trabalho de atendimento aos cuidados básicos de saúde desse público.

Enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, motoristas e auxiliares de enfermagem realizam os atendimentos nos locais de permanência delas.

O projeto funciona com quatro equipes multidisciplinares, que se dividem nas abordagens em locais já mapeados de Vitória, como Ponte Seca, orla de Andorinhas, Jabour e Ilha de Santa Maria. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8 horas à meia-noite, e aos sábados, domingos e feriados, das 8 às 20 horas.

A enfermeira Caroline Valls ressaltou a importância do serviço. "O Consultório na Rua atende as pessoas em situação de rua e oferece os serviços de saúde com os seguintes objetivos: criar o vínculo deles com a rede de atenção básica, oferecer os serviços de tratamento de dependência química e trabalhar a autonomia do sujeito".

O Seas possui equipes compostas por assistentes sociais, psicólogos e educadores sociais buscando identificar as demandas dos moradores de rua para colocá-los em contato com serviços que possibilitem sua reinserção familiar e comunitária.

As equipes realizam os encaminhamentos para os espaços de acolhida de Vitória e outros serviços da rede de assistência social da Prefeitura, como Centro de Referência Especializado de Assistência Social para População de Rua (Centro Pop), Hospedagem Noturna, Albergue do Migrante, Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Casa Lar, Casa República e Conselho Tutelar.