Operação apreende 60 carros antigos raros em Minas Gerais

Foi deflagrada, na terça-feira, pelo Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG), a Secretaria de Estado de Fazenda (SEF) e a Polícia Civil a Operação Mustang, para recuperar valores desviados do erário público do Estado em crimes de sonegação fiscal e lavagem de dinheiro. 

A ação cumpriu mandados de busca e apreensão em duas residências e nas sedes das empresas Pohlig Heckel, em Contagem, e Movi MBC, em Belo Horizonte.

Na operação, mais de 60 veículos antigos foram apreendidos e R$140 mil bloqueados da conta bancária de um jovem de 19 anos, filho do principal sócio e gestor das empresas. Foram encontradas ainda armas e munição.