Protesto por moradia bloqueia rua na zona leste de São Paulo

Cerca de 40 manifestantes, segundo a Polícia Militar (PM), fazem um protesto na zona leste da capital paulista pedindo moradia. De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), os manifestantes bloqueiam, neste momento, uma faixa da Rua Peixoto Werneck. O ato teve início por volta das 16h50 de hoje (26).

A PM não confirmou se os manifestantes são os mesmos que, pela manhã, fizeram um protesto na Avenida Radial Leste contra uma reintegração de posse de dois prédios na região, agendada, em princípio, para amanhã (27).

A Secretaria de Habitação do município informou que o conjunto habitacional, entre os bairros Arthur Alvim e Itaquera, onde vivem os manifestantes, tem dois prédios com aproximadamente 400 apartamentos e foi construído para o Programa Minha Casa, Minha Vida. Os prédios seriam entregues aos moradores cadastrados na lista de espera da prefeitura em agosto deste ano. Porém, antes disso, o grupo ocupou o local. A reintegração de posse foi pedida pela Caixa Econômica Federal, proprietária dos imóveis.