Polícia de SC procura suspeito de matar ex-mulher e sogra com martelo

A Polícia Civil de Santa Catarina procura por um homem que teria matado a ex-mulher e a sogra com um martelo na madrugada desta terça-feira, em Saltinho (SC), 620 quilômetros a oeste de Florianópolis. Giovana da Silva, 30 anos, e a mãe dela, Armelinda da Silva, 64 anos, foram mortas com vários golpes de martelo na cabeça por volta das 6h de hoje. Os quatro filhos de Giovana assistiram ao crime, segundo a polícia.

O delegado Miguel Domingues Dutra, do município vizinho de Campo Erê, afirmou que o homem tentou invadir a casa da ex-mulher no final da noite de segunda-feira. A PM foi acionada e o suspeito, de 30 anos, conseguiu fugir. Entretanto, ele retornou durante a madrugada e usou um martelo para matar a ex-esposa e a sogra.

Giovana já contava com uma medida protetiva expedida pela Justiça de SC após uma série de ameaças realizadas em decorrência do divórcio. Os filhos do casal, com idades entre 3 e 11 anos, foram encaminhados ao Conselho Tutelar.