Três mulheres são eleitas para comandar o TJ-MA a partir de dezembro

A desembargadora Cleonice Silva Freire foi eleita presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) nesta quarta-feira, e pela primeira vez a corte será comandada por três mulheres. Anildes Cruz será vice-presidente e Nelma Sarney será corregedora-geral da Justiça. As desembargadoras devem tomar posse no dia 20 de dezembro.

Na sessão em que elas foram eleitas, a desembargadora Cleonice Freire agradeceu aos colegas e lembrou de outras magistradas que já presidiram o TJ-MA, como Etelvina Gonçalves e Madalena Serejo. "Precisamos passar 200 anos para que a mesa diretora do Tribunal de Justiça fosse ocupada por mulheres. Vou ter a alegria de dividir o cotidiano da Corte com as duas", afirmou ela.

A presidente eleita disse que dará início imediatamente ao esboço das pretensões da nova gestão para o próximo biênio. "Para uma boa administração, é preciso que haja, antes de tudo, planejamento, que vai começar a ser feito a partir de hoje".

O atual presidente do TJ-MA, desembargador Guerreiro Júnior, disse que a eleição transcorreu de forma tranquila, rápida e justa. "Mostra que o Tribunal está maduro para enfrentar suas próprias decisões", afirmou ele.