Com curso de medicina da UFFS, MEC acelera expansão da oferta de vagas

Brasília – Após anunciar a expansão de vagas e criação de cursos de graduação em medicina em instituições federais de educação superior, o Ministério da Educação (MEC) autorizou a abertura de curso de medicina com 40 vagas na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

O curso de bacharelado em medicina será ministrado no campus de Passo Fundo (RS). A autorização está na Portaria 323 publicada na edição de hoje (24) do Diário Oficial da União.

O curso será avaliado periodicamente pela Comissão Especial de Avaliação de Escolas Médicas (Ceaem) a ser instituída pela Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior.

A política para expandir vagas e criar cursos de medicina definida ontem (24) pelo MEC está relacionada ao Programa Mais Médicos que tem, entre os objetivos, o de aumentar o número de vagas nos cursos de medicina e levar médicos para o interior do país e para a periferia das capitais. A expectativa do governo federal é criar mais 11.447 vagas de graduação em medicina até 2017, sendo 3.615 em instituições federais.

De acordo com as regras anunciadas pelo MEC, o atendimento ao Sistema Único de Saúde (SUS) deverá ser o elemento central do projeto pedagógico dos cursos. A partir de agora, as universidades públicas e privadas só poderão ofertar vagas caso atendam a requisitos como ter número de leitos disponíveis por aluno maior ou igual a cinco, existência de estrutura de urgência e emergência e pelo menos três programas de residência médica em especialidades fundamentais. Até agora, foram mapeados 60 municípios com as condições necessárias para ofertar vagas de graduação em medicina.