SP: para impedir invasão de rodovia, PM usa balas de borracha

Um grupo de aproximadamente 50 pessoas tentou invadir na manhã desta segunda-feira a rodovia Cônego Domênico Rangoni, em Cubatão (SP), e foi impedido pela Polícia Militar de São Paulo, que teve de usar bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha. De acordo com a PM, os manifestantes se reuniram próximo à prefeitura da cidade para tentar acessar a rodovia, mas foram impedidos.

A PM informou também que a ação foi preventiva, para evitar que a rodovia ficasse trancada, e que não houve ilegalidade por parte dos manifestantes. O grupo protestava contra o governo, reclamava da precariedade do Hospital Municipal e também de obras prometidas que nunca foram concretizadas pela prefeitura. 

Eles também exigem a redução de R$ 0,60 na passagem de ônibus, que custa hoje R$ 3,10, e passe livre para estudantes e atletas da cidade. Ninguém foi detido.