Renan vai propor redução de ministérios e passe livre

O presidente do Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL), anunciou nesta terça-feira uma agenda de propostas que podem ser votadas para atender às demandas anunciadas pela presidente Dilma Rousseff na noite desta segunda-feira. A pauta será levada por Renan em reunião ainda na tarde de hoje. 

Renan alfinetou a presidente, que não consultou o Congresso sobre os cinco pactos anunciados – todos precisam passar pelo crivo dos parlamentares. "Talvez não tenha havido tempo para consultar o Congresso, mas nos portaremos como facilitadores da mudança", afirmou Renan, que também disse que vai sugerir à presidente reduzir o número de ministérios de seu governo – hoje são 39 pastas. 

"Também queremos reduzir o número de ministérios para que os recursos economizados sejam redirecionados para saúde, educação, transporte e segurança pública", afirmou.