Após protestos, grupo Anonymous invade site oficial do PMDB

O site do PMDB foi invadido na madrugada desta terça-feira pelo grupo de hackers Anonymous Brasil. Na página foi incluída uma mensagem de apoio aos protestos contra o aumento das passagens do transporte público no Brasil. Um vídeo com várias cenas das manifestações também foi disponibilizado no endereço www.pmdb.org.br.

“A luta da população contra o aumento das passagens de um transporte que se diz público está cada vez maior e mais forte!”, diz a mensagem no site. “Eles querem nos calar, nos separar, nos enfraquecer. Mas nós não deixaremos! Ninguém vai nos deter em nosso direito de nos manifestar até a tarifa baixar!”, completa a mensagem, que encerra com um convite aos internautas: “vem pra rua!”

Na tarde de segunda-feira, o mesmo grupo invadiu o perfil no Twitter da revista Veja. O responsável pelo ato, que se identificou como @AnonManifest!, utilizou a conta do veículo para publicar a seguinte mensagem: "'Jornalismo fascista nós não precisamos de vocês.' A #LUTA CONTINUA #Brasil #OGiganteAcordou #Brasil #rEvolução", em alusão aos protestos contra o aumento das tarifas no transporte público.