Empresas aéreas cancelaram 214 voos na manhã do primeiro dia do ano novo

Maior percentual de cancelamentos ocorreu no Santos Dumont, no Rio de Janeiro

O retorno das festas de final de ano está sendo tumultuado para muitos usuários da aviação comercial no país. Segundo informações da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), até as 11h desta terça-feira (01/01), 214 voos programados foram cancelados. Eles representam  22,6% dos 946 voos domésticos previstos para hoje. Outros 36 voos (3,8%) sofreram atrasos.

Entre os 77 voos internacionais em todo o País, três (3,9%) sofreram atrasos e outros 14 (18,2%) foram cancelados. Ao todo, entre voos domésticos e internacionais, os aeroportos registram 228 cancelamentos.

Segundo o balanço divulgado pela Infraero, o aeroporto Antonio Carlos Jobim/Galeão, no Rio de Janeiro, apesentava 10 cancelamentos, o que representava 17,2 dos 58 voos programados. Já no aeroporto Santos Dumont, dos 61 voos programados, 26 (42,6%) foram cancelados e outros 6 (9,8%) estavam atrasados.

Em São Paulo, o Aeroporto de Congonhas registrava 16 cancelamentos (20% dos 80 programados), e o de Guarulhos apresentava 14 (16,3% dos 86 previstos), além de dois (2,3%) voos atrasados.

No interior de São Paulo, o aeroporto de Viracopos, em Campinas, apresentou o maior número de voos cancelados segundo a Infraero. Até o horário, foram 27 partidas abortadas, o que representa 50,9% dos 53 voos programados. Em Porto Alegre, o  Aeroporto Internacional Salgado Filho registrou dez cancelamentos, 27,8% dos 36 voos programados.