Sobe para cinco o número de mortos em mais uma noite violenta na Grande SP

Pelo menos cinco pessoas morreram entre a noite de quarta e a madrugada desta quinta-feira na Grande São Paulo. Na região do Jardim Ângela, na zona sul da capital, um grupo foi alvejado enquanto conversava em frente a um supermercado, por volta de 1h. Dois rapazes não resistiram e outros dois ficaram feridos, um deles em estado grave. As informações são da rádio CBN.

Em Cidade Ademar, Claudemir Brito dos Reis, 37 anos, e Ana Maria dos Santos, 31 anos, foram mortos a tiros dentro de um carro na avenida Professor Papini. Uma terceira vítima ficou ferida. Segundo testemunhas, os disparos foram efetuados por dois homens em uma moto sem placa. 

A polícia paulista ainda investiga a morte de Humberto Lopes Miranda, que foi alvejado quando voltava para casa, com o seu cachorro, na região do bairro Socorro. Um celular foi apreendido com diversas mensagens com ameaças para a vítima.

Onda de violência

Desde o início do ano, 100 policiais foram assassinados no Estado. Desse total, 21 eram aposentados e três estavam em serviço. Além disso, o Estado continua a enfrentar um grande índice de violência. Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública, só na capital foram registrados 1.135 casos de homicídios dolosos entre janeiro e outubro, mais do que todo o ano de 2011. 

O mês de outubro foi o mais violento dos dois últimos anos na cidade, com 176 mortos. Em todo o Estado, foram 4.007 casos registrados desde janeiro.