Senado vota proposta para Cultura, que será comandada por Marta 

O líder do governo no Senado, Eduardo Braga (PMDB-AM), disse nesta quarta-feira que acertou com os líderes partidários a votação de uma série de matérias na sessão plenária desta tarde. Entre elas, está a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da Cultura, ministério que será comandado pela ex-vice presidente do Senado, Marta Suplicy.

De acordo com Marta, o objetivo é estabelecer instrumentos de promoção de transparência e controle social para o setor, como conselhos e fundos de cultura. A nova ministra também elogiou outra meta traçada da PEC, que cria o Sistema Nacional de Cultura, na qual integrará os governos federal, estadual e municipal na execução da política cultural.

"Tão importante quanto reconhecer os avanços dos últimos anos no âmbito da facilitação do acesso às fontes da cultura é reconhecer que a atuação do poder público tem sido limitada pela ausência de um sistema que articule as ações culturais dos três níveis de governo". disse a nova ministra da Cultura.

Marta Suplicy foi nomeada na terça-feira pela presidente Dilma Rousseff como a nova ministra, após demitir Ana de Hollanda. A posse será amanhã às 11h. Ana estava no comando do ministério desde o início do mandato de Dilma, no início de 2011, e é a 13ª a deixar o governo em 21 meses de mandato da presidente.