Mensalão: julgamento no STF entra no 5º dia. Acompanhe

O julgamento dos réus no processo do mensalão continua nesta quarta-feira com a fala dos advogados de mais cinco acusados, entre eles, do defensor do deputado federal João Paulo Cunha (PT-SP), único réu candidato nas eleições deste ano. Ele concorre à prefeitura de Osasco, na Grande São Paulo. 

>> Acompanhe aqui

Dois ex-ministros da Justiça ocuparão a tribuna para defender réus ligados ao Banco Rural, e o advogado do ex-ministro da secretaria de Comunicação do governo Lula Luiz Gushiken também falará, apesar de a Procuradoria Geral da República já ter pedido sua absolvição.

O primeiro defensor a falar no Supremo Tribunal Federal (STF) será o ex-ministro da Justiça Márcio Thomaz Bastos. Ele, que no primeiro dia do julgamento tentou, sem sucesso, separar o processo entre réus com e sem foro privilegiado, defende o ex-vice-presidente do Banco Rural José Roberto Salgado, acusado de gestão fraudulenta, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha e evasão de divisas.