MPF pede documentos de paraíso fiscal sobre filho de Maluf 

A Justiça federal determinou que a prefeitura de São Paulo forneça cópias dos documentos que ligam Flávio, filho do deputado Paulo Maluf (PP-SP), a empresas processadas em Jersey sob a acusação de envolvimento em esquema de corrupção. 

Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, os papéis foram pedidos pelo Ministério Público Federal (MPF) para reforçar a acusação contra Flávio no processo no Brasil em que ele é acusado de lavagem de dinheiro desviado das obras da Avenida Jornalista Roberto Marinho.

O objetivo da procuradoria é derrubar a versão de que não há ligação do filho de Maluf com as companhias acusadas em Jersey. A Durant e a Kildare são acusadas de serem ligadas à família Maluf. A prefeitura pede o repatriamento de US$ 22 milhões supostamente desviados.