MP do Tocantins investigará ligação entre construtora e Cachoeira 

A ligação entre o bicheiro Carlinhos Cachoeira e a construtora CRT será investigada pelo Ministério Público do Tocantins. 

Os promotores elaboraram relatório que aponta indícios de corrupção, desvio de dinheiro público, superfaturamento e financiamento de campanhas políticas.

A CRT teria doado dinheiro para campanhas políticas no Estado e recebido R$ 89 milhões do governo local em contratos suspeitos.