Criança é internada após ser medicada com ácido em MG 

Uma criança de 2 anos está internada no Centro de Tratamento Intensivo (CTI) Neonatal do Hospital Felício Rocho, em Belo Horizonte, depois de ter sido supostamente medicada por uma técnica de enfermagem com uma substância ácida em vez de um sedativo, prescrito por um médico que recomendou uma tomografia computadorizada. 

O menino foi internado na noite de domingo no Hospital São Camilo, região leste da capital mineira, onde teria acontecido o incidente. A criança havia sido internada depois de ter batido a cabeça em casa.

Segundo o Hospital São Camilo, o médico que atendeu a criança recomendou uma tomografia computadorizada, mas a técnica de enfermagem de plantão, em vez do sedativo via oral, medicou a criança com um ácido. O nome da substância não foi informado.

A assessoria de imprensa do hospital confirmou a troca da medicação e a profissional foi afastada até o final da apuração do caso, que também será feita pela Polícia Civil. Até a manhã desta quarta-feira, o Hospital Felício Rocho não havia divulgado o estado de saúde do menino.