SP: Lula recebe visita de Kassab no Hospital Sírio-Libanês

O ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva recebeu nesta segunda-feira a visita de Gilberto Kassab (PSD), prefeito de São Paulo, no Hospital Sírio-Libanês, na capital paulista. O encontro começou às 12h10 e durou cerca de 50 minutos. O ex-presidente tem feito sessões de fonoaudiologia na instituição depois de concluir o tratamento contra um câncer de laringe.

O teor da conversa não foi divulgado pela assessoria do Instituto Lula. Essa é a segunda visita que Kassab faz ao petista em 2012. Em janeiro, quando Lula fazia sessões de radioterapia no hospital, o prefeito de São Paulo o visitou e ofereceu o apoio do PSD ao pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad. Após o encontro, Lula confirmou que Kassab propôs que Haddad tivesse um vice indicado pelo PSD.

Durante a manhã, o ex-presidente também recebeu a visita de José Graziano, diretor-geral da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO).

O câncer de Lula

Após queixa de dores de garganta, Lula realizou uma série de exames na noite de 28 de outubro do ano passado. Na manhã do dia seguinte, foi divulgado boletim médico do Hospital Sírio-Libanês, de São Paulo, informando que foi diagnosticado um tumor maligno na laringe, que seria inicialmente tratado por quimioterapia.

Após três ciclos de quimioterapia e 33 sessões de radioterapia, o tumor teve "uma remissão completa", conforme anunciou o porta-voz do Instituto Lula, José Chrispiniano, e confirmou o Sírio-Libanês em 28 de março de 2012. Para ser considerado curado do câncer, Lula terá de se submeter a exames durante os próximos cinco anos.

O câncer na região da laringe é mais comum entre homens e o de maior incidência na região da cabeça e pescoço. Os principais fatores que potencializam a doença são o tabagismo e o consumo de álcool. Já os sintomas são: dor de garganta, rouquidão, dificuldade de engolir, sensação de "caroço" na garganta e falta de ar.