Nova manifestação contra cobrança de taxa bloqueia entrada da Ceagesp 

Cerca de 300 manifestantes participam na manhã desta quinta-feira de um novo protesto em frente à Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp) contra um projeto que institui uma taxa para a entrada e a permanência de caminhões no local. Porém, diferentemente de ontem, a movimentação não bloqueava nenhuma via próxima.

Segundo a Polícia Militar, os manifestantes trancaram por dentro o portão principal da Ceagesp, impedindo a entrada de consumidores. A PM acompanhava a movimentação com viaturas da Força Tática, patrulha de área e policiamento a pé, além de ter enviado reforço do Batalhão de Choque.

De acordo com um dos organizadores da manifestação de quarta-feira, Cláudio Furquim, o protesto de hoje não é organizado por nenhuma associação ou sindicato. "Esse protesto é organizado por pessoas que, no primeiro momento, não conseguimos identificar. Mas ele não parte de nenhuma associação ou sindicato", afirmou.

Ele afirmou que ontem houve uma reunião entre a diretoria da Ceagesp e sindicatos que teve "um entendimento meio confuso", mas não havia nada marcado para esta quinta-feira.