Com crise hipertensiva, estado de ministra do Planejamento é estável

Após ter passado mal em Brasília nesta quarta, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, deu entrada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, no início da madrugada desta quinta, com um quadro de crise hipertensiva, de acordo com informações de boletim médico do hospital. 

O estado de saúde da ministra é estável e ela deve realizar exames de rotina nas próximas 24h.

Em Brasília, Miriam Belchior teve um pico de pressão alta e se submeteu a exames no Instituto do Coração. 

As informações iniciais indicavam que ela teria sofrido um enfarte, dado desmentido por ministros e fontes do governo. 

No Sírio-Libanês, a ministra está sob os cuidados dos Profs. Drs. Roberto Kalil Filho, Lena Peres e Milberto Scaf.