Reunião de Alckmin e Kassab selou o uso da PM na Cracolândia

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) e o prefeito Gilberto Kassab (PSD) deram o aval ao uso ostensivo da Polícia Militar na Cracolândia, no centro de São Paulo, em reunião no dia 1º de dezembro do ano passado, no Palácio dos Bandeirantes, segundo informações do jornal Folha de S. Paulo. Troca de e-mails e várias reuniões, incluindo uma com cem homens, na PM, antecederam a ação.

A data teve combustível político. No dia 23 de dezembro, a presidente Dilma Rousseff e o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciaram em São Paulo a participação dos movimentos sociais no plano "Crack, é possível vencer". Sob cobrança do eleitorado, Alckmin temia que o PT assumisse a bandeira, já que Padilha é potencial candidato ao governo em 2014.