Piscinão é usado como cracolândia na Zona Norte de SP 

Um piscinão da Avenida General Penha Brasil, no Jardim Peri, na Zona Norte da capital paulista, vem sendo utilizado como uma "minicracolândia". Segundo informações do jornal O Estado de S. Paulo, o reservatório Guaraú chega a reunir 20 usuários da droga ao mesmo tempo, de acordo com relatos de vizinhos. 

Para impedir a entrada dos dependentes, foi colocado um tubo de concreto em um vão entre as grades. A medida não foi suficiente para evitar que os usuários de crack invadissem o terreno e serve de referencial para quem pretende chegar à droga.

Como não há fiscalização no local, os usuários consomem a droga durante todo o dia. Moradoras da região reclamam do clima de insegurança, já que alguns casos de assaltos foram atribuídos a alguns dos frequentadores do piscinão. Outra queixa corriqueira é em relação ao antigo parque infantil que existia próximo ao local e que foi abandonado, já que pais deixaram de levar os filhos para brincar.