RS: Usina do Gasômetro não terá fogos de artifício 

A Juíza Lílian Cristiane Siman, da 5ª Vara de Porto Alegre, ordenou a retomada da interdição da Usina no Gasômetro e do Sambódromo, de acordo com nota divulgada pelo Poder Judiciário do Rio Grande do Sul. Com isso, fica impedida a instalação de fogos de artifício, bem como a realização de eventos públicos e de frequência de pessoas no prédio do Gasômetro.

A decisão foi motivada por pedido do Ministério Público, que informou à Justiça a intenção de descumprimento do despacho anterior, que determinou a interdição dos Complexos Gasômetro e Porto Seco. Conforme o MP, foi protocolado requerimento junto ao Corpo de Bombeiros para instalação de fogos de artifício no prédio do Gasômetro e em área adjacente.