Em horário de visita, paciente é morto com seis tiros no RS

Um paciente de 25 anos que deu entrada baleado, no sábado, no Hospital Dom João Becker, em Gravataí (RS), região metropolitana de Porto Alegre, foi executado com seis tiros na tarde de segunda-feira. Diego Telles de Carvalho dividia o quarto com duas pessoas quando um homem armado entrou durante o horário de visita e disparou à queima-roupa. O autor dos disparos fugiu. As informações são do jornal Zero Hora.

Carvalho tem passagem pela polícia por roubo, homicídio, formação de quadrilha, receptação, falsidade ideológica e documento falso.

Ele estava em liberdade há cerca de 10 dias, recém-saído do Presídio Central, na capital gaúcha. 

Segundo o titular da 1ª DP de Gravataí, delegado Anderson Spier, não há falhas no sistema de segurança, uma vez que a instituição é privada e os seguranças não podem fazer revista.