Unicamp: candidato com pneumonia faz vestibular em hospital

O cabeleireiro Luiz Ricardo Barbosa Silva, 23 anos, é um dos 74 candidatos a uma das vagas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) que irá prestar o vestibular em condições especiais. Luiz Ricardo está internado com pneumonia bacteriana no Hospital e Maternidade Celso Pierro, da PUC-Campinas, e vai fazer a prova dentro de uma sala do hospital. Dois fiscais da Comissão do Vestibular (Comvest) vão acompanhá-lo durante a realização das provas. Ele tenta uma vaga no curso de educação física.

Os outros 74 candidatos vão realizar as provas em condições especiais no campus da Unicamp, no prédio do Ciclo Básico 2, distrito de Barão Geraldo. São candidatos com dislexia ou que necessitam de um leitor ou escritor, portadores de dificuldade que necessitem de algum tipo de acompanhamento.

Esse ano, Silva é o único candidato a prestar vestibular para a Unicamp de dentro de um hospital. Ele está internado desde o dia 1º de novembro e não há uma previsão para a sua alta médica. Durante a realização do vestibular ele deve seguir as mesmas regras aplicada aos 61,5 mil candidato a Unicamp, ou seja, não pode fazer uso de equipamentos eletrônicos, deve respeitar o mesmo tempo de duração da prova e não pode portar aparelho celular.

De acordo com a coordenação do vestibular da Unicamp, a família do jovem entrou em contato com a Comvest com certa antecedência facilitando o esquema do envio de fiscais com as provas do vestibular até o hospital onde ele está internado.