SP: chefe de cozinha é preso em operação em hotéis de luxo

Um chefe de cozinha de 41 anos foi preso em flagrante em operação realizada em hotéis de luxo na região dos Jardins, em São Paulo, pelo Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania (DPPC). A prisão foi efetuada após terem encontrado no hotel onde o chefe trabalhava alimentos sem identificação de origem e com validade vencida.

De acordo com a polícia, foram apreendidos 25 bandejas de endívia (verdura), um pacote de carne de siri, uma peça aberta de queijo tipo gruyre sem informações de origem e registro nos órgãos competentes, três peças de salsichão, uma peça de carne de bovino sem osso (contra-filé), um pacote de frutos do mar e uma peça de presunto, todos vencidos.

Foi arbitrada uma fiança de R$ 2.725,00. Os alimentos apreendidos serão encaminhados à pericia.