PR: chuva causa 2 mortes e deixa Londrina em emergência

A prefeitura de Londrina, na região norte do Paraná, decretou estado de emergência nesta segunda-feira por conta das consequências das chuvas ocorridas na semana passada no município. Houve enchentes em vários pontos da cidade, causando problemas inclusive estruturais, e uma pessoa morreu. Luiz Henrique Caetano, 26 anos, caiu num córrego durante a tempestade e foi arrastado pela enxurrada. O corpo dele foi encontrado no domingo.

Com a medida, a prefeitura aguarda repasses estaduais e da União para a recuperação do prejuízo. Em apenas seis dias choveu cerca de 165 mm na cidade, superando a média histórica de 140 mm para outubro. De acordo com a Defesa Civil, cerca de 100 mil pessoas foram afetadas pelas chuvas somente em Londrina; 150 estão desalojadas, 61 desabrigadas e 12 casas danificadas.

Houve prejuízos com as chuvas fortes em outras 13 cidades paranaenses, totalizando 111 mil pessoas afetadas pelas tempestades. Um bebê de 15 dias morreu após o veículo em que ele estava ser arrastado pela força da correnteza de um córrego em Ortigueira, na região centro-sul do Estado. Os pais conseguiram se salvar, mas a criança ficou na água.