Lojistas entram em confronto com polícia em SP 

Uma manifestação de lojistas terminou em confronto com a Guarda Civil Metropolitana (GCM) na manhã desta quinta-feira. De acordo com a instituição, cerca de 400 pessoas ocuparam a Rua 25 de Março, a Avenida Senador Queirós e a Rua Barão de Duprat, na região da 25 de março, em protesto a uma operação de combate à pirataria que fechou o Shopping Oriental.

Segundo a GCM, o protesto começou pouco após as 8h30. Os manifestantes interditaram algumas vias queimando papelão, madeiras e pneus, e a polícia reagiu com bombas de gás lacrimogênio. A instituição informou que a situação estava "mais calma" por volta das 12h. De acordo com a GCM, a operação de combate à pirataria ocorre desde o dia 20 de junho com apoio da Polícia Federal.