MEC cortou cena de beijo, diz produtora de vídeo anti-homofobia

Fundadora da Comunicação em Sexualidade (Ecos), responsável por desenvolver os vídeos do kit anti-homofobia do Ministério da Educação (MEC), a socióloga Sylvia Cavasin afirmou que o ministério solicitou a retirada de uma cena de um beijo entre duas jovens no vídeo "Torpedo", um dos três que estava em análise para inserção no programa Escola sem homofobia. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Veja o vídeo:

>> O governo não aceita propaganda de opções sexuais, diz Dilma

>> ABGLT: vídeo mostrado a Dilma não é do kit anti-homofobia

>> "Tem uma parte do kit que eu também não gostei", diz ministro Fernando Haddad

Na última quarta-feira, a presidente Dilma determinou a suspensão da produção e distribuição do kit. De acordo com a socióloga, a Ecos ainda não recebeu uma resposta oficial do MEC sobre o que será feito com os vídeos. "Custa-me crer que quem vê o nosso material original tenha uma reação como essa que está havendo. Não tem como, é um material respeitoso. É preocupante", diz Sylvia Cavasin.

Veja demais vídeos que estavam em análise para entrar no kit: