Polícia prende suspeito de se passar por oficial de Justiça no Paraná

 

Um homem foi preso na quarta-feira em Ananindeua (PA), a 19 km da capital do Estado, acusado de se passar por oficial de Justiça, apreender carros de vítimas e revendê-los. Cássio Murilo Souza, 31 anos, teria cometido os crimes em Belém utilizando roupas e documentação falsas.

De acordo com Marco Antonio Duarte, delegado titular da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos (DFRV), os crimes foram cometidos a partir de janeiro deste ano. Souza descobria, de alguma forma, que a vítima não estava em dia com o pagamento do carro, fazia uma abordagem fingindo ser oficial de Justiça e apreendia o veículo. Após isso ele o revendia a um conhecido, o qual repassava o carro para outras pessoas que, por sua vez, viravam novos alvos do mesmo golpe.

A polícia chegou a Souza pela denúncia de uma vítima que teve o carro apreendido pelo falso oficial e mesmo assim foi notificada da inadimplência pelos órgãos oficiais. Quando foi à delegacia, descobriu ter sido enganada, e a polícia começou as investigações. Souza foi preso em Ananindeua, e em seu carro foram encontradas uma carteira de oficial da Justiça, uma Carteira Nacional de Habilitação e uma jaqueta de oficial da Justiça, todas falsificadas.

De acordo com o delegado Marco Antonio Duarte, o suspeito já havia sido preso em 2007 por receptação de veículos roubados. Souza vai responder pelos crimes de uso de documentação falsa, usurpação de função pública e estelionato. Atualmente, o suspeito está detido na Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO) da Polícia Civil do Estado do Pará. A polícia ainda procura pelo suspeito de revender os carros apreendidos por Souza.