Temer diz que espera 'reproduzir gestos cívicos' de Alencar

BRASÍLIA - Instantes antes da chegada do corpo e da família do ex-vice-presidente José Alencar, morto na terça-feira, à Base Aérea de Brasília, o presidente em exercício Michel Temer afirmou que procura seguir o exemplo de seu antecessor.

"Penso que se eu conseguir, ainda que minimamente, reproduzir alguns gestos cívicos do ex-vice-presidente, eu serei um grande presidente. Perde o Brasil um grande brasileiro e ganha o céu uma grande figura", afirmou.

O presidente do Senado, José Sarney, também manifestou pesar pela morte de Alencar. "Ele teve coragem de concordar e discordar, foi um gladiador pela vida, não só mostrou isso durante sua luta contra a doença, mas deu a todos os brasileiros que sofrem o exemplo".

O corpo de Alencar chegou ao Distrito federal num avião da Força Aérea Brasileira por volta das 10h e seguirá para velório no Palácio do Planalto em carro aberto dos bombeiros. O velório será no Salão Nobre do Palácio e aberto à população.