Ciclistas protestam em frente ao Congresso por mais respeito no trânsito

BRASÍLIA - A organização não governamental Rodas da Paz, formada por ciclistas, promove nesta quinta-feira um protesto no gramado em frente ao Congresso Nacional. A manifestação, marcada para as 13h, contará com a participação de parentes de vítimas de trânsito e entidades defensoras dos direitos humanos. A finalidade é contestar a atitude do motorista Ricardo José Neis, que avançou com o carro e atropelou ciclistas do grupo Massa Crítica, em Porto Alegre, na sexta-feira (25).

De roupa branca, eles vão fazer o enterro simbólico dos códigos de Trânsito Brasileiro (CTB) e Penal (CP). Os manifestantes vão entregar ao senador Paulo Paim (PT-RS), presidente da Comissão da Direitos Humanos, uma declaração de óbito dessas leis.

Os organizadores do ato esperam influenciar na formação de uma cultura de respeito ao ciclista, como exemplo do que acontece em países do primeiro mundo, como França, Holanda e Estados Unidos. “Nosso movimento vai chamar a atenção em geral, não importa de quem seja. A civilidade é uma forma de sobrevivência humana”, disse Ronaldo Alves presidente da ONG, em entrevista ao programa Revista Brasil, da Rádio Nacional.