Relatório preliminar sobre apagão no Nordeste já está com o Ministério de Minas e Energia

O governo federal já conhece as causas da falta de energia que atingiu sete estados da Região Nordeste na última sexta-feira (4). Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), uma versão preliminar do Relatório de Análise de Perturbação (RAP), com os resultados das análises e as recomendações para aprimorar os procedimentos de segurança, foi enviada hoje (11) ao Ministério de Minas e Energia.

O conteúdo do relatório do ONS deve ser divulgado só na próxima semana, porque as empresas envolvidas ainda podem contestar os resultados obtidos. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) também começou a investigar as causas da interrupção de energia.

Segundo o Ministério de Minas e Energia, a maior probabilidade é que o problema tenha começado em uma falha do sistema de proteção da Subestação Luiz Gonzaga, em Pernambuco, que provocou o desligamento imediato de todas as linhas de transmissão conectadas a ela. Além disso, no momento em que aconteceu a falha havia uma linha de transmissão desligada em caráter de urgência para manutenção.