Policiais obrigam presos a se beijar em Pernambuco

RECIFE - Imagens gravadas por celular que circulam há meses na internet, mostrando dois presos, aparentemente em uma delegacia, obrigados a se beijar por policiais em Pernambuco, chegaram ao conhecimento das autoridades. O secretário de Defesa Social de Pernambuco, Wilson Damázio, definiu o caso como bastante constrangedor e afirmou que o ambiente policial é um ambiente sério e que, dessa forma, as pessoas que trabalham na segurança pública deveriam levar o trabalho a sério, de acordo com informações do Jornal da Globo.

Henrique Mariano, presidente da OAB do Estado, classificou o episódio como um caso típico de abuso de autoridade, que viola todos os princípios norteadores das questões dos direitos humanos, de respeito à dignidade da pessoa humana e de civilidade.

Há menos de uma semana, policiais foram vistos agredindo dois ladrões que haviam assaltado o prédio do vice-governador de Pernambuco.