Jair Bolsonaro vai disputar presidência da Câmara

BRASÍLIA - O deputado Jair Bolsonaro (PP-RJ) registrou por volta das 13h desta terça-feira sua candidatura à presidência da Câmara. Ele participa da disputa como candidato avulso, pois seu partido já declarou apoio ao petista Marco Maia (RS). Bolsonaro é o terceiro candidato ao cargo.

O deputado Sandro Mabel (PR-GO) já registrou sua candidatura, que também é avulsa porque não conta com o apoio dos líderes do seu partido. Segundo a Agência Câmara, Marco Maia, que tem o apoio de 21 das 22 bancadas da Casa, registrará sua candidatura às 15h30.

A eleição deve ser realizada por volta das 18h, quando os 513 deputados que tomaram posse nesta manhã irão se reunir no plenário da Casa. Em votação secreta, os deputados também vão eleger dois vices-presidentes e quatro secretários, além de três suplentes. Para ser eleito em primeiro turno, o candidato precisará de mais de 50% dos votos válidos dos deputados.

Como a votação será realizada pelo sistema eletrônico, a estimativa da Câmara é que o processo eleitoral de todos os cargos da Mesa Diretora seja finalizado em três ou quatro horas, mesmo que haja segundo turno.