Policial é preso suspeito de matar borracheiro no Paraná

Um policial militar foi preso na noite de sábado suspeito de matar um borracheiro no bairro Boqueirão, em Curitiba (PR). Segundo a polícia, o PM bateu o carro em um meio fio e procurou a borracharia para fazer o conserto. Mesmo com o estabelecimento fechado, o borracheiro Geraldo Marcelino de Paula, de pijamas, atendeu o policial. Ainda não se sabe o motivo, mas o policial teria efetuado cinco disparos em Paula, que estava acompanhado do neto de 4 anos.

Moradores do bairro já haviam acionado a Polícia Militar para averiguar a conduta de um motorista que estava andando em alta velocidade pela região. Quando o crime aconteceu, viaturas da PM estavam nas proximidades e prenderam o policial militar, que não soube explicar o que aconteceu na delegacia. Segundo a polícia, ele teria usado a arma de trabalho, uma pistola, para atirar contra o borracheiro. O policial preso foi submetido a exames toxicológicos para verificar o uso de drogas.