Guarda civil mata mulher com suposto disparo acidental em SP

SÃO PAULO - Um agente da Guarda Civil Municipal matou a mulher em casa, na madrugada desta sexta-feira, em Guarulhos, São Paulo. O disparo teria sido acidental. A vítima morreu no local.

De acordo com a Polícia Militar, o agente teria verificado um movimento suspeito na residência e pediu para a mulher aguardar no quarto. Segundo declarações do homem, ao ver um vulto ele efetuou o disparo, atingindo a mulher. O incidente ocorreu por volta de 0h50. O caso é investigado pelo 2º DP de Guarulhos.