Gráfica vai custear a reaplicação do Enem, diz Haddad

A gráfica responsável pela impressão do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) irá custear a reaplicação das provas para os alunos prejudicados pelos erros nos cadernos amarelos. A informação foi confirmada nesta quarta-feira pelo ministro da Educação, Fernando Haddad.

Após participar de audiência pública na Câmara dos Deputados para prestar esclarecimentos sobre o Enem, Haddad afirmou que a data da reaplicação das provas deverá ser anunciada na próxima semana, depois que o Cespe e a Cesgranrio, especializados em organizar concursos públicos e vestibulares, finalizarem a análise das atas das salas de aula onde os candidatos fizeram as provas.

Mas o ministro adiantou que a expectativa do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), responsável pelo exame nacional, é que a reaplicação seja marcada para dezembro e que o calendário das universidades não seja alterado.