Lindemberg será julgado em fevereiro de 2011 em Santo André

 

Lindemberg Alves Fernandes, 22 anos, acusado de matar a ex-namorada Eloá Pimentel, 15 anos, em outubro de 2008 enquanto mantinha a jovem refém em um apartamento em Santo André (SP), será julgado a partir das 9h do dia 21 de fevereiro de 2011 em Santo André. O júri popular foi marcado pelo juiz José Carlos de Frença Carvalho Neto. Além do interrogatório do réu, serão ouvidas na mesma data 23 testemunhas, entre acusação e defesa.

A 16ª Câmara de Direito Criminal de São Paulo negou, por unanimidade, em dezembro de 2009, um recurso da defesa do motoboy Lindemberg Fernandes Alves contra a decisão da Justiça de Santo André de submetê-lo a júri popular.

Eloá morreu no dia 17 de outubro de 2008, após ser baleada durante o desfecho do sequestro, que durou mais de 100 horas. Integrantes do Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) da Polícia Militar alegam que invadiram o apartamento onde a estudante era mantida refém, juntamente com a colega Nayara Rodrigues, à época com 15 anos, após terem ouvido um tiro. Lindemberg está detido há mais de um ano na Penitenciária Dr. Augusto César Salgado, em Tremembé, a 138 km de São Paulo.