SP: polícia prende cinco suspeitos de atacar colônia japonesa

SÃO PAULO - Uma ação policial no morro do Goianã, em São Roque, interior de São Paulo, terminou com a prisão de cinco pessoas suspeitas de envolvimento em uma série de ataques a uma colônia japonesa na vizinha cidade de Mairinque. De acordo com a polícia, os crimes teriam ocorrido nos últimos três meses.

A polícia tinha mandados de prisão contra os suspeitos depois de uma investigação feita em conjunto com o Ministério Público. Na denúncia, além de promover assaltos na região, o grupo era suspeito de envolvimento com o tráfico de drogas e tinha ligações com facções criminosas com atuação na capital paulista.

Entre os presos está a mulher do suposto chefe do esquema, uma jovem grávida de oito meses, que seria uma das gerentes do tráfico no morro. Durante a operação, a polícia foi recebida a tiros por integrantes do grupo. Ninguém ficou ferido.