Polícia prende nove por roubo de gado no interior de São Paulo

       SÃO PAULO - Policiais de Campinas e Ribeirão Preto prenderam nove homens suspeitos de fazerem parte de uma quadrilha de roubo de gado que atuava no interior de São Paulo. Eles são suspeitos de roubar 500 animais. As prisões ocorreram na segunda-feira em Campinas, Sumaré, Hortolândia e Jarinú.

De acordo com a polícia, os presos fazem parte de um grupo de 23 pessoas, já detidas, suspeitas de terem cometido roubos em pelo menos 30 fazendas nos últimos 18 meses. As ações ocorriam nas regiões de Campinas, Ribeirão Preto e Bauru.

Em Jarinú, os policiais descobriram uma área para onde os animais eram levados e esperavam para serem repassados para receptadores. O destino do gado seria o comércio clandestino de carne.

Na operação foram apreendidos 4 revólveres calibre 38, 4 espingardas e munição. Segundo a PM, o grupo agia com violência ao invadir as propriedades rurais. Os homens rendiam os donos das propriedades e as famílias de administradores fazendo ameaças até conseguir concluir o roubo.